fbpx

A Blocktime Coworking está dividida em duas unidades, Coworking Heroes, voltada ao público da economia colaborativa e a Coworking Saúde e Bem-Estar, para os profissionais da área.

Coworking Heroes:
Rua Galeno de Almeida, 188 – São Paulo

Contato:
coworking@blocktime.com.br
+55 11 3055-3400

Nossa sede está a 150 metros do Metrô Sumaré.

Coworking Saúde e Bem-Estar:
Rua Artur de Azevedo, 289 – São Paulo

Contato:
contato@blocktime.com.br
+55 11 3062-5824

Próximo a estação de Metrô Oscar Freire.

Web Summit 2021: fique por dentro de tudo o que rolou

Imagem mostra pessoas no evento Web Summit 2022

Web Summit 2021: fique por dentro de tudo o que rolou

O maior evento de tecnologia e inovação do mundo, trouxe os assuntos mais importantes para a área 

A Web Summit 2021 realizou a sua 13ª edição, entre os dias 1 e 4 de novembro, na capital portuguesa, Lisboa. Após um ano atípico com edição online, o evento retornou ao formato presencial  e reuniu CEOs de empresas de tecnologia, startups, investidores interessados e representantes governamentais do mundo inteiro. 

Considerada a maior representante mundial da área, todos os anos ela apresenta o que há de mais inovador no mercado tecnológico e traz as tendências que vão dominar o período.

Se você não conseguiu acompanhar o que aconteceu, fique tranquilo!

No artigo de hoje, nós da Blocktime Coworking, trouxemos o que rolou nesse grandioso evento.

Troca de ideias: as palestras

A edição deste ano contou com mais de mil palestras. Nelas foi possível ouvir grandes nomes da área de tecnologia e inovação.

Grandes empresas como Google, Apple, Amazon, Facebook, entre outros, marcaram presença no evento, muitas delas com representantes entre os palestrantes. 

Algumas das palestras contaram com discussões a respeito do uso da tecnologia em prol da defesa de valores humanitários. Destaque para a condução da cofundadora do movimento Black Lives Matters, Opal Tometi.

Outra bem esperada foi com a ex-funcionária do Facebook, Frances Haugen, que recentemente vazou dados da empresa.

Ela falou sobre a transparência das plataformas e o controle de dados dos usuários, mostrando um pouco de como funciona o direcionamento das informações pessoais para o acesso a determinados conteúdos.

Além disso, outro tema importante foi a aceleração dos e-commerces que aconteceu devido à pandemia da COVID-19.

Segundo Benedict Evans, analista e pesquisador independente, o avanço ocorrido durante um ano foi o equivalente ao que teria acontecido entre 5 e 10 anos fora do contexto da pandemia.

Chris Cox, CPO da Meta, anteriormente Facebook, falou sobre a nova proposta da empresa de Mark Zuckerberg: o metaverso. Essa inovação leva em conta várias dimensões de interações proporcionadas pela tecnologia, construindo uma experiência do usuário muito mais dinâmica.

O branding, também, foi abordado nesta edição

Cada vez se torna mais debatida a necessidade de ter uma marca forte e bem posicionada, de acordo com o que o cliente procura e o que o mundo precisa.

Por isso, é criada uma interação real entre clientes e funcionários que acreditam na proposta da marca e formam uma comunidade.

Outros temas foram abordados nas palestras durante o evento: trabalho híbrido, desenvolvimento das chamadas digital skills, uso de inteligência artificial para coleta de dados de forma ética, sobre a importância que os embaixadores de marca terão na comunicação com os consumidores, além de outros assuntos.

Conhecendo novas tecnologias: as startups

Como um ambiente propício para apresentar novos negócios e buscar possíveis mercados e investimentos, mais de 400 startups do mundo inteiro foram apresentadas. Veja algumas ideias inovadoras:

Tata

Uma startup italiana que desenvolveu um dispositivo para proteger bebês esquecidos em carros. Quando conectado ao celular dos responsáveis, o app reconhece pelo peso que a criança continua no automóvel e entra em contato com o celular, para que ela seja resgatada.

Imagem mostra palco da web summit

Feeder

É uma tecnologia capaz de medir a expressão facial de usuários de determinadas redes sociais para verificar qual a reação delas ao conteúdo consumido.

Dessa forma é possível entender como as pessoas recepcionam o que é produzido.

Neural foundry, de Londres

Trata-se de um acompanhante para idosos, dotado de câmeras e sensores que reconhecem movimentos, em casos de queda ou batimentos cardíacos anormais, por exemplo, e comunica-se com o idoso. Além disso, caso necessário, informa aos contatos sobre emergências.

Noty, da Ucrânia

Uma extensão para a plataforma do Google Meet, que transcreve simultaneamente o que é falado nas reuniões virtuais.

Além disso, é possível marcar partes importantes do texto e até transformá-lo em tarefas que queira executar.

Cashew, de Londres

É uma tecnologia que integra anúncios a dispositivos de voz de assistentes virtuais.

De acordo com a necessidade dos usuários utilizam esses mecanismos, a propaganda é incorporada de uma forma mais intuitiva.

 

Web Summit 2022

Tendo sediado as cinco primeiras edições em Dublin, na Irlanda e as demais em Lisboa, pela primeira vez o evento sairá da Europa e virá para a América Latina.

O próximo Web Summit já tem local para acontecer e vai ser aqui no Brasil. Ainda não se sabe a cidade, podendo ser em Brasília, Rio de Janeiro ou Porto Alegre. 

Com foco no grande potencial brasileiro no mercado tecnológico e inovador e na posição de São Paulo entre as grandes metrópoles como palco para startups do setor financeiro, receber um evento desse porte vai ser uma grande experiência para o país e para as empresas nacionais que buscam conexões internacionais.

E aí, gostou do que rolou?

Aqui na Blocktime Coworking nós seguimos atentos e sedentos por informações, para que possamos trazer o que há de mais atualizado para vocês! E, se você tem vontade de ver algum tema por aqui, entre em contato conosco! Até a próxima!


João Marcos Guirau

Graduado em Arquitetura e Urbanismo pelo SENAC SP, é fundador da Blocktime Coworking e sócio do grupo Blocktime, referência em operação e otimização de escritórios. Entusiasta da economia compartilhada, participa ativamente de grupos relacionados ao tema e adquiriu conhecimento e expertise em arquitetura e design para coworkings, sendo responsável pela gestão operacional dos espaços. Atua, desde 2015 como organizador do Encontro Coworking Brasil e apoiador de muitas das iniciativas relacionadas a este universo, está sempre buscando mais conhecimento sobre novas formas de trabalho, participando frequentemente de conferências internacionais sobre o tema.