fbpx

A Blocktime Coworking está dividida em duas unidades, Coworking Heroes, voltada ao público da economia colaborativa e a Coworking Saúde e Bem-Estar, para os profissionais da área.

Coworking Heroes:
Rua Galeno de Almeida, 188 – São Paulo

Contato:
coworking@blocktime.com.br
+55 11 3055-3400

Nossa sede está a 150 metros do Metrô Sumaré.

Coworking Saúde e Bem-Estar:
Rua Artur de Azevedo, 289 – São Paulo

Contato:
contato@blocktime.com.br
+55 11 3062-5824

Próximo a estação de Metrô Oscar Freire.

As principais tendências de marketing digital para 2022

Imagem mostra time reunido em sala de reunião

As principais tendências de marketing digital para 2022

Pensando nas novidades do marketing digital para o próximo ano? Confira as tendências que você não pode dispensar se quer sair na frente do mercado

O marketing digital tem ocupado cada vez mais espaço nas empresas e na vida dos consumidores. Com a pandemia, novas estratégias precisaram ser criadas para atender as mudanças que ocorreram e, desde então, os impactos mostram que algumas delas vieram para ficar.

Em uma área dinâmica como essa, as mudanças acontecem de forma muito rápida. E, quem quer aproveitar melhor essas estratégias, precisa não só se adequar às novidades mas também se antecipar às tendências.

Imagem mostra time em reunião com pessoas sorrindo

Pensando nisso, na reta final para 2021 trazemos aqui os principais direcionamentos do marketing digital para 2022. Assim, você se prepara para aproveitar as novidades dessa área e começa o próximo ano antenado no que pode oferecer aos clientes.

  1. Inteligência artificial

O uso da inteligência artificial tem se mostrado muito útil. Seja na coleta de dados e otimização de processos, na captação de leads ou até mesmo na interação inicial com os consumidores, sua utilização é uma grande economia de tempo e pode chegar a mais resultados do que o modo manual.

Dessa forma é possível fazer um levantamento de dados mais preciso, conhecer melhor o público alvo, direcionar conteúdos mais adequados e automatizar alguns processos. 

  1. Chatbots

Também como uma parte do uso da inteligência artificial, os chatbots são os primeiros canais de comunicação com os clientes. Através deles é possível programar uma série de respostas e até as dúvidas mais comuns, para que as pessoas resolvam seus problemas simples mais rapidamente.

Com a utilização de um atendente virtual que pode ajudar também a ser uma referência para a marca, o chat faz uma espécie de triagem do que pode ser resolvido de forma automática e direciona as demandas mais complexas para os atendimentos com humanos sempre que necessário.

  1. Marketing de influência

Como já tem sido bem utilizado até então, o conteúdo produzido pela interação com os influenciadores digitais é uma forma de aproximar a experiência do consumo das pessoas, uma vez que os influenciadores testam os produtos ou serviços e demonstram isso para os seus seguidores em diferentes redes sociais.

É uma forma de tornar o que se oferece mais convidativo e desejável. isso pode ser feito inclusive com influenciadores internos, ou seja, funcionários da marca que também fariam um resumo da sua experiência ou demonstração do uso dos produtos.

  1. Marketing conectado

Essa tendência já tem sido utilizada e pode apostar, ela vai continuar em alta no próximo ano. Essa forma de conectar diversas mídias sociais como Instagram, Facebook e Tik Tok, por exemplo, com o canal de vendas oficial da marca ou aproveitar os próprios recursos dessas redes sociais para vendas, aumenta a captação de pessoas.

Outro recurso que tem se mostrado eficiente nesse segmento são as shoppable lives. Assim, é possível mostrar os produtos e fazer as vendas no varejo ao vivo. Isso torna a experiência de compra online mais interativa.

  1. Omnichannel

Pensando nas marcas que precisam conciliar o online com o offline, até para quem já começou nesse segmento, fazer com que os dois setores tenham igual qualidade é um desafio do omnichannel. 

Dessa forma, vendas que podem ser feitas online e retiradas na loja física, ou trocas, por exemplo, e eventos híbridos, são exemplos de como atender esses dois tipos de público de forma equilibrada e garantir experiências igualmente satisfatórias, deixando a cargo de quem preferir uma ou outra, a escolha de qual agrada mais.

O que mais preciso ficar de olho?

Como você pode perceber, algumas tendências do marketing digital para 2022 já estão presentes em várias empresas atualmente, mas será preciso aprimorar as técnicas para otimizar o que se oferece e melhorar a experiência dos clientes. 

A tecnologia está predominando em todos os aspectos e quanto mais se puder fazer um uso apropriado dela, mais vantagens isso pode trazer. Isso não quer dizer que o papel do humano vai ser deixado de lado. Pelo contrário, com algumas etapas automatizadas, sobrará mais tempo para o que importa mais: criação de estratégias e posicionamento.

É por isso que marcas com um conteúdo de qualidade, com uma imagem forte e com um bom posicionamento, irão ganhar cada vez mais espaço. A criação de identidades e do que pode ser oferecido aos clientes demandam a atenção e criatividade que só o lado humano proporciona.

Fique atento também para utilização de vídeos, comandos por voz, realidade aumentada e tudo mais que possa proporcionar uma experiência mais interativa e inclusiva, pensando no público com deficiência.

Com isso em mente, você está preparado para começar 2022 com o pé direito e aproveitar as tendências que vão te deixar sempre à frente no mercado. A Blocktime Coworking oferece espaços ideais para que você possa aplicar tudo isso sem preocupação com o ambiente, focando no que mais importa: suas estratégias.

Procurando um espaço de coworking em São Paulo para trabalhar com sua equipe e se preparar para entrar no próximo ano com tudo? Agende uma visita e venha conhecer a Blocktime!


João Marcos Guirau

Graduado em Arquitetura e Urbanismo pelo SENAC SP, é fundador da Blocktime Coworking e sócio do grupo Blocktime, referência em operação e otimização de escritórios. Entusiasta da economia compartilhada, participa ativamente de grupos relacionados ao tema e adquiriu conhecimento e expertise em arquitetura e design para coworkings, sendo responsável pela gestão operacional dos espaços. Atua, desde 2015 como organizador do Encontro Coworking Brasil e apoiador de muitas das iniciativas relacionadas a este universo, está sempre buscando mais conhecimento sobre novas formas de trabalho, participando frequentemente de conferências internacionais sobre o tema.